Páginas

Esta foi a maneira que encontrei de dividir com vocês minhas alegrias, emoções, meus anseios, dúvidas, questionamentos,.. enfim, dividir um pouco de mim, afinal, ser mulher, mãe e esposa, não é fácil e eu não vim com manual de instruções!

sexta-feira, 27 de maio de 2011

Me aceita...

7 mensagens carinhosas
Ás vezes me pergunto porque a comunicação entre duas pessoas pode ser tão difícil em alguns momentos. O ouvido do outro, não entende o que a minha boca fala. É uma confusão de palavras e expressões. Quero dizer uma coisa, as pessoas entendem outra!!!

Quando não faço, me recriminam por não fazer. Quando faço, me recriminam por tem feito pouco. Será que o seu pouco não é meu muito? Ninguém sabe as barreiras e contratempos que encontrei para chegar ao meu objetivo e mesmo assim, não e o bastante. "Porque não faço o bem que quero, mas o mal que não quero, esse sempre faço" Romanos 7:19. Não podemos julgar o outro por nós. Na verdade não devemos julgar, mas isso acontece o tempo todo. Olhe o outro pelo outro. Me olhe, por mim. Sou humana. Sou falha. Tento ser melhor todos os dias, mas não sou perfeita. Porque é tão difícil enteder? Nós humanos somos assim. Não podemos ser perfeitos em tudo. Temos qualidades e defeitos.

"Me abraça, me beija, me aceita assim como eu sou!"

Com carinho,

Roberta
"é como o vento, não posso ver, não posso tocar, mas posso sentir!"

quinta-feira, 26 de maio de 2011

E a vida segue seu curso

8 mensagens carinhosas
Oi gente voltei...

Como disse anteriormente tenho tanta coisa pra dizer que nem sei o que dizer, mas vamos lá...

Não sei se cheguei a comentar em algum post anterior, mas depois do que aconteceu com a Olívia, a falta de apoio e compreensão por parte do hospital, eu percebi que mães e pais que perdem seus filhos não recebem nenhum tipo de apoio e o que mais ouvem é:"Vocês são novos, logo terão outros filhos!" Realmente somos jovens ainda e sim, termos outros filhos, mas se você que esta lendo este post tem filhos me responda uma pergunta: Caso você tenha condições físicas, emocionais, financeiras,... de ter mais outros 10 filhos só que para isso tivesse que abrir mão de 1 dos seus filhos você o faria ou ficaria somente com este, caso esta fosse a unica solução? Não precisa pensar e nem me responder, eu sei sua resposta! Você não trocaria seu filho por 10 filhos novinhos em folha. Eu também não queria que minha Olívia partisse, mas ela se foi, se não fosse o apoio dos meus amigos virtuais ou não, familiares e meu marido, não sei se estaria escrevendo aqui até hoje e infelizmente, muitas mulheres e homens não tem a mesma sorte que eu. Algumas mulheres até precisam lidar com a perda de um filho e de um casamento, pois nem todo homem tem estrutura para lidar com esta nova situação que acomete sua vida e de sua esposa, já que para mulher é muito mais difícil, pois ela tem um laço com o bebê muito maior. Ela sentiu seus chutes, soluços,... é uma experiência sem explicação e o seu sofrimento em virtude disso tudo é mais doloroso e muitas vezes incompreendido por aquele que deveria apoiá-la neste momento de dor tão profunda e intensa. Pensando nisso, resolvi estudar Psicologia e ajudar outras mães e pais que passaram por essa perda irreparável e na busca por um curso, encontrei a Psicanalise. Desde abril estou estudando Psicanalise e estou A-M-A-N-D-O! é incrível! A cada aula tenho mais certeza de que é isto que quero fazer para o resto de minha vida. Já até encontrei uma Pós em Psicanalise Infantil e tenho planos de fazer assim que terminar este curso.
Engraçado como são as coisas, eu já havia decidido fazer Psicologia depois que a Olívia nascesse, mas não imaginei que seria este ano. Agora tenho que adaptar meus planejamentos e metas para a vida sem a Olívia e em breve com os Gêmeos!rs 

Pois é, e a vida segue seu curso. Vivemos como um rio, temos a nascente, depois vamos crescendo, nos encontramos com outro rio, ficamos maiores, mudamos de nome, passamos por quedas d'agua que as vezes pensamos ser o fim do rio, mas quando olhamos por outro anglo, percebemos que aquela queda se transforma numa linda cachoeira, depois nossas águas vão se acalmando novamente e voltamos a ser um rio comum, com alguns troncos no meio do caminho que muitas vezes até parecem barreiras, mas sempre encontramos uma maneira de ultrapassa-las pois temos um objetivo, encontrar aquele que perto de um rio  parece infinito, o mar! 

Por hoje é só. Amanhã eu volto. Peço desculpas á todas minha amigas queridas por não ter tempo de passar em cada cantinho, mas deixo aqui todo meu carinho e em breve tudo irá se tranquilizar.

(P.s.: Me avisem caso eu comece a analisar todo mundo??? rsrsrs)

Beijokas.

Com carinho,

Roberta
"é como o vento, não posso ver,não posso tocar, mas posso sentir!"

terça-feira, 24 de maio de 2011

BUUUUuuuuuuuuuu

10 mensagens carinhosas
Oi pessoal!


Aposto que todo mundo assustou agora não é? hahaha Nossa, como é péssimo ficar sem computador, meu Deus! Mas com fé em Deus até o fim de Julho tudo esta resolvido! Isso mesmo, JULHO, é que tem muitas possibilidades de defeito e temo plano A, B, C,... assim, até fim de Julho tudo resolvido!rs

Nossa, tenho tantas novidades que nem sei por onde começar, então para dar início as minhas postagens vou mostrar como ficou meu artesanato de Bem Vindo da minha porta, modéstia parte eu A M E I!!! rsrsrs


No decorrer da semana vou tentar contar tudinho... teve até viagem pra São José no fim de semana passado, se não fosse a gripe que me pegou de jeito, iria visitar a Aninha e aparecer de surpresa no chá de bebê da Julia!!!




Beijokas e até daqui a pouco!!!


com carinho,


Roberta
"é como o vento, não posso ver, não posso tocar, mas posso sentir!"

domingo, 8 de maio de 2011

Meu primeiro dia das mães - Parte 2

14 mensagens carinhosas
Primeiro obrigada pelo carinho, cada palavra de carinho enche um pouquinho do vazio que estou em meu coração.

O almoço em família foi bem legal. Ganhei uma camiseta da Olívia (palito) da Tia Cristina madrinha da Olívia e ela comprou uma também, assim eu e ela estávamos vestidas com a Olívia!rs (tirei uma foto, depois posto pra vocês verem ok? Assim que meu computador chegar (eu ainda tenho esperança!!)). Família reunida, primeira vez que o Bernardo saiu com a gente, foi muito legal. Comi muito, lembramos de quando a Olívia nasceu, do seu choro (foi tão forte que todos ouviram lá da sala de espera!!!) e eu nem chorei! (também já tinha chorando tanto em casa que não tinha mais lágrimas), ai resolvemos vir pra minha casa assistir o filme mais lindo do mundo: "Um amor para recordar". Chorei, chorei e chorei, estou até com dor de cabeça. Quem ainda não assistiu, vale a pena! Foi lá que ouvi a frase: "nosso amor é como o vento, não posso ver, mas posso sentir".

Meu Xuxuzinho também foi um amor comigo e teve muito cuidado e carinho durante todo dia. Tem como não amar esse homem? Amor, te amo demais, obrigada por fazer parte da minha vida!

Um boa semana pra todo mundo e um recado para a Blogagem coletiva "Amigas em oração": Queridas, tenham esperança e acreditem. Não desistam.

Com carinho,

Roberta
"é como o vento, não posso ver, não posso tocar, mas posso sentir!"


Meu primeiro dia das mães

9 mensagens carinhosas
Hoje é meu primeiro dia das mães. Quando engravidei, o dia das mães já havia passado. Infelizmente, não tive a oportunidade de passar este dia com minha Olívia nem mesmo no ventre. Engraçado que nunca fui apegada a essas datas, dia das mães, pais, crianças,... sempre achei que todo dia é dia e que não é preciso esperar aquele dia específico para dar um presente ou demonstrar o amor, mas este ano é diferente. Não mudei minha forma de pensar, mas é diferente. Daqui a pouco vou almoçar com a família. Cada mãe com seu respectivo filho e eu, sem minha mãe e sem minha filha. Graças a Deus minha mãe não esta somente a 8horas de mim, mas infelizmente minha vida esta com Deus e sou uma mãe de colo vazio, apesar de meu coração estar cheio de amor, amor esse que não pude dar em sua totalidade. Hoje eu quero desejar do fundo do coração um feliz dia das mães para todas aquelas que tem alguém com quem comemorar, seu (a) filho (a), mas quero desejar principalmente para aquelas que como eu, tem o coração cheio, mas o colo vazio. Para vocês mães de anjo como eu, FELIZ DIA DAS MÃES!

Olívia, "eu sei que vou te amar, por toda minha vida eu vou te amar, em cada despedida, vou te amar, desesperadamente, eu sei que vou te amar, e cada verso meu, será pra te dizer que eu sei que vou te amar, por toda minha vida. Eu sei que vou chorar, a cada ausência tua eu vou chorar, mas cada volta tua a de apagar, o que esta tua ausência me causou. Eu sei que vou viver, a eterna desventura de viver, a espera de viver ao lado teu, por toda minha vida!"

Com todo meu amor e minha dor,

Roberta

quarta-feira, 4 de maio de 2011

Será que meu coração aguenta?

12 mensagens carinhosas
Oi gente!

só passei pra desabafar um pouquinho...

Liguei em um fornecedor hoje e quem atendeu foi um moça chamada Olívia. Chamei a pessoa que sempre me atende e antes de desligar perguntei se ela era mãe e desejei feliz dia das mães (pois converso com ela somente nas segundas e quartas), ela agradeceu e me devolveu a pergunta. Gaguejei. Ela me perguntou o motivo. Respondi que sou mãe, mas minha filha morreu e por conhecidência se chamava Olívia, e que quando ouvi o nome da moça no tel, meu coração deu um apertinho. Ela respirou fundo, disse que eu era mãe sim e que merecia mais do que qualquer mãe um feliz dia das mães! Eu agradeci com lágrimas nos olhos e assim que desliguei me acabei de chorar. Sorte que não chegou nehum cliente!!!
Agora estou me perguntando: Será que vou conseguir passar o dia das mães sem minha filha? Estou com medo. Sei que vai ficar tudo bem, mas não consigo parar de ter medo de domingo, nem de deixar de sentir um aperto e uma saudade sem tamanho da minha pequena e amada Olívia! Que Deus me dê forças para passar esses dias, assim como vem sendo desde o dia 19/01.

Bom era isso...

espero que em breve meu note esteja comigo para que eu consiga passar em cada cantinho e poder saber como anda a vida de todos.

Um forte abraço e obrigada por me ouvir.

Com carinho,

Roberta
"é como o vento, não posso ver, não posso tocar, mas posso sentir!"

domingo, 1 de maio de 2011

Várias

7 mensagens carinhosas
Quanto tempo! Enquanto o Sr. Cássio não arrumar meu note vai ser assim... só de vez em quando!rs

Parabéns a todos nós brasileiros trabalhadores, principalmente as trabalhadoras sem remuneração, vulgo "Donas de Casa". Como esse trabalho é difícil! Aff... ele não tem fim! Você lava, passa, cozinha... lava, passa, cozinha... lava, passa, cozinha... e as vezes faz isso mais de uma vez por dia. Fora que não tem feriado, sábado ou domingo! 

Essa semana voltei a estudar! Estou fazendo um curso MA-RA-VI-LHO-SO! A primeira aula foi quarta e estou ansiosa esperando a próxima aula que será quarta que vem!

Hoje fiz bife a parmegiana pro Xuxu... Ele adorou (foi o que ele disse!), mas também, o almoço ficou pronto depois das 16h, e como dizem: O melhor tempero é a fome! Então acho que temperei bem minha comidinha! rsrsrs

Ah! Terminei o meu artesanato e modéstia parte ficou lindo!he Já até coloquei na porta. Toda hora abro e fecho pra ver se meus passarinhos ainda estão lá! hahaha Depois tiro uma foto e posto aqui pra vocês verem e darem a opinião sincera, mas agora não sei o que vou fazer, ainda não encontrei nada que me inspira-se.

Acho que amanhã a Ana Beatriz vem ao mundo, pelo menos espero que ela ainda não tenha nascido, já que ligo ligo ligo pra Rose e ela não atende! Independente de qualquer coisa, tenho certeza que ela vai nascer linda, forte e saudável e que irá deixar a vida da minha amiga ainda mais bonita e feliz!

Agora vou fazer um bolo de cenoura. Desejo a todos uma semana MARAVILINDA e assim que der um tempo (e tiver micro) volto ok?

Beijokas carinhosas,

Roberta
"é como o vento, não posso ver, não posso tocar, mas posso sentir!"