Páginas

Esta foi a maneira que encontrei de dividir com vocês minhas alegrias, emoções, meus anseios, dúvidas, questionamentos,.. enfim, dividir um pouco de mim, afinal, ser mulher, mãe e esposa, não é fácil e eu não vim com manual de instruções!

quinta-feira, 22 de dezembro de 2011

Meu aniversário...

Amanhã, dia 23 completo mais um verão e sempre odiei meu aniversário, mas não por ficar mais velha e sim porque de uma maneira ou de outra, a maioria das pessoas sempre se esqueciam dele por estar muito envolvidas com o natal. Creio que agir como se não me importasse também seria melhor pois assim, não me entristeceria caso alguém se esquecesse.
De uns anos pra cá, comecei a "ajudar" as pessoas a não se esquecerem... teve um ano que coloquei bilhetes de contagem regressiva do meu aniversário na sala da minha "chefa" por quase um mês! hehehehe
Esse ano, é muito diferente. É mais que especial. Em 2011 comemoro meu aniversário pela segunda vez como mãe, e com a segunda filha aqui dento da pancinha!
Neste aniversário sou uma pessoa melhor. Aprendi que não preciso ter coisas para ser feliz, que não posso ficar me preocupando com aquilo que não tenho, pois assim, deixo de aproveitar o que tenho, que não preciso de muita coisa para ser feliz, sou feliz assim como sou.
Sou feliz por ter uma marido incrível, que me ama muito e faz tudo para me ver feliz. Sou feliz por ter dois cachorros apaixonados por mim e que nunca me abandonam ou se zangam comigo, mesmo quando fico com preguiça e não saio para passear com eles ou quando saio e fico o dia todo na rua... sou feliz por ter uma casa que a cada mês é mais minha e apesar de ser pequena no tamanho é como o coração de mãe: "sempre cabe mais um!" Sou feliz por ter amigos em que posso confiar e contar, por ter uma família linda e que me ama demais, por saber que lá no céu tenho um Deus que me ama e cuida de mim, até naqueles momentos que estou tão sem fé que não consigo perceber sua presença e principalmente, por ter aprendido 1 mês depois do meu aniversário do ano passado, que tudo o que eu pensei ser felicidade e amor até então, não passava de alegria e paixão. Sou feliz por ter a graça de poder "materializar" o meu sentimento e do meu marido em forma de uma vida e hoje, não tenho palavras para descrever esse sentimento por poder "materializar" duplamente esse amor. Olívia e Manuela, meus maiores e melhores presentes!

Amanhã, iniciarei meu ano novo, e sem dúvidas será mais que especial, pois além de fazer com que meu amor e do Xuxu "se transforme em uma só carne" poderei tocar essa carne, acaricia-la, alimenta-la e acima de tudo, ama-la com todo meu amor, então só posso dizer: PARABÉNS PRA MIM! =)

Com carinho,

Roberta
"nosso amor é como o vento: não posso ver, não posso tocar, mas posso sentir!"

quarta-feira, 21 de dezembro de 2011

"Mulheres Feridas que Voam"

Hoje ao abrir meu face fiquei estasiada na frente do computar e não consegui conter as lágrimas ao ler essa homenagem de uma amiga querida, a Cassia Cohen. Assim como eu, ela também perdeu um filho, o Oliver. Desde que a "conheci" pela internet, brincamos que o Oliver e a Olívia são noivos no céu. (o Xuxu é que não gosta muito dessa brincadeira! kkkkkkk ciumento!hahaha) A Cássia é uma pessoa muito querida e agradeço a Deus por ter me colocado em sua vida, mesmo que por meio de uma dor tão intensa. Não sei se vocês sabem, mas quem perde um filho, acaba encontrando mais consolo e apoio, por quem passou pela mesma perda, pois, assim, somos mais compreendidas e aceitas.
Essa minha amiga, teve a brilhante ideia de criar uma revista eletrônica para ajudar mães que perderam seus filhos e deu início ao projeto através do Facebook criando a comunidade "Mulheres Feridas que Voam", (quem se interessar é só acessar para conhecer um pouco do projeto tão lindo e de tanta ajuda). O projeto ainda esta no início, mas é muito ousado e todos ainda vão ouvir falar muito dele pois não tenho dúvidas que ajudará muitas mães.
Graças a Deus, eu faço para dessa "Mulheres Feridas que Voam" e hoje, tenho a graça de estar gerando novamente uma vida aqui dentro, assim como a Marissa, que também descobriu que esta grávida há pouco tempo. Por isso, nós duas recebemos essa linda homenagem e tenho certeza que em breve estaremos com nossos filhos nos braços e não seremos mais "mães de colo vazio".


Muito obrigada Cassia Cohen, por ser essa mulher de coragem, força e visionária. Obrigada por fazer parte da minha vida. Obrigada Olívia, por me ensinar o significado do verdadeiro amor, o de Mãe! 

Com carinho,

Roberta
"nosso amor é como o vento: não posso ver, não posso tocar, mas posso sentir!"

domingo, 18 de dezembro de 2011

O movimento da vida

Não tenho palavras para descrever o que sinto a cada movimento que a Manuela faz aqui dentro e que posso sentir por mais delicado que seja! Sinto a vida se mover dentro da minha pancinha e isso é indescritível. Cada movimento me dá mais força e coragem para fazer a vida aqui fora se mover também!


Obrigada Senhor por mais um dia!


Com carinho,


Roberta
"nosso amor é como o vento: não posso ver, não posso tocar, mas posso sentir!"

sábado, 17 de dezembro de 2011

Dia 17 de dezembro

Hoje minha Olívia completaria 11 meses de vida e eu estaria louca, preparando sua festa para comemorar seu primeiro ano, mas ao invés disto, estou me preparando para ser mãe pela segunda vez e de uma menina linda que não tenho dúvidas: Deus escolheu junto com a Olívia e os dois resolveram me presentear próximo ou quem sabe até no dias das mães do próximo ano. Esse é só mais um motivo (dentro tantos outros) pelo qual louvo a Deus por ter me escolhido para ser mãe desse pequeno anjo que mudou para sempre minha vida e me ensinou o significado do verdadeiro amor!

Manuela - Deus é conosco (e nunca deixou de Ser!)

Com carinho,

Roberta
"nosso amor é como o vento: não posso ver, não posso tocar, mas posso sentir!"

sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

Enfim, fotos!

Oi pessoal!
Como eu havia prometido, segue abaixo várias fotos... cada uma com a sua legenda, espero que gostem! =)




Roupa que compramos assim que saímos do US e confirmamos que a Manuela esta a caminho!
 
 Sapatinho e meia que a Manuela ganhou da Dona Cleusa... Fala se não é de perua? kkkkkkk



Blusinha que a Mariângela deu depois que confirmei o sexo! (ela disse que era menino, porque a pança esta pontuda!!!) rsrs


Juro que consigo imaginar a Manuela dentro de cada roupa e desse sapatinho de princesa.... Por enquanto fico sonhando e com ela aqui dentro!



E essa ai em baixo é a pançaaaaaaaaaaaaaaa com 20 semanas e 2 dias! 
(foto fresquinha... acabei de tirar! rsrs)
Vamos combinar que não sou muito boa com fotos e nunca havia tirado uma foto da pancinha... mas dá pra ter uma noção do tamanho né? hehehe


É isso... promessa feita e cumprida! Espero que tenham gostado! =)

Com carinho,

Roberta
"nosso amor é como o vento: não posso ver, não posso tocar, mas posso sentir!"








quarta-feira, 14 de dezembro de 2011

E chegamos na metade do caminho!

Oie...

Ando com um pouco de preguiça para escrever, mas sempre que posso, passo nos cantinhos de todas e vejo como estão, só fico com preguiça de comentar, desculpe!

Hoje entro na 20ª semana, ou seja, metade do caminho! Como passa rápido! Já posso sentir o cheiro da Manuela e imagina-la dentro de cada roupinha, carrinho, berço,... é tão bom! =) Como o tempo passa! A cada dia e semana que passa, me sinto mais vitoriosa e sinto que a hora de receber "meu presente de dia das mães" esta cada vez mais próximo!
Pesquisando sobre 20 semanas na internet, li em nesse site, coisas lindas sobre essa fase e gostaria de compartilhar com vocês, é um pouco longo, mas quem se interessar vale a pena! Ando muito emotiva e enquanto lia, o choro vinha na garganta, mas consegui engolir, afinal, estava no escritório e não posso dar esse vexame não é? kkkk

No domingo, senti a Manuela mexer um pouco mais pra cima... acho que o útero já esta bem maior e ela fica passeando por lá! Ainda não sinto mexidas o tempo todo, ela é um pouco tímida (o papai vai adorar de continuar assim! rsrsrs), mas a cada chute, um sorriso de satisfação vem ao meu rosto!

Semana passada a Manuela ganhou presentes lindos e ainda nesta semana venho fazer um post só pra isso, prometo! Ah! Acho que vai rolar até uma foto da pança!

Com carinho,

Roberta
"é como o vento: não posso ver, não posso tocar, mas posso sentir!"


quinta-feira, 8 de dezembro de 2011

Não posso ver, mas sinto!

É engraçado como uma pessoa que esteve aqui dentro da minha barriga somente por 34 semanas e viveu fora do meu útero por apenas 30 horas e estar com Deus á praticamente 11 meses, continuar tão viva aqui dentro e para muitas pessoas do meu convívio. Acho estranho, pois muitas pessoas vivem tanto tempo e nem sempre fazem tanta falta ou  marcam dessa maneira a vida dos seus. Mas a Olívia mesmo com tão pouco tempo de vida e sem nem mesmo verem seu rosto, marcou de forma tão profunda a vida daqueles que conviveram com ela aqui dentro da minha pancinha.

Várias vezes me pego falando da Olívia como se ela ainda estivesse aqui. Hoje mesmo foi um dia desses...
Já aconteceu diversas vezes de alguém vir falar comigo e ao invés de falar Manuela, soltar um Olívia! É engraçado, pois na maioria das vezes elas percebem e ficam sem graça tentando corrigir, mas eu acho graça e até gosto! Acho que isso é a certeza que "para estar junto, não é preciso estar perto, mas dentro do coração", não é mesmo Débora??? 

Só preciso tomar muito cuidado para quando a Manuela nascer, sem querer, eu faça de conta que ela é a Olívia e não a Manuela, pois sei que cada uma é única e especial de sua maneira, mas cada dia que estudo o psíquico do ser humano, vejo que algumas coisas são tão inconscientes que temos que nos policiar. A única coisa que tenho certeza é que sempre vou contar para a Manuela e todos os outros irmãos que a Olívia terá, o quanto ela foi especial e que eles são privilegiados por terem um anjinho cuidando só deles lá no céu e que quando quiserem vê-la é só olhar para o céu e a estrela mais brilhante e bonita será a Olívia, a irmã especial que Deus enviou para cuidar da nossa família!

Olívia minha estrelinha que dança como uma bailarina no céu, "nosso amor é como o vento: não posso ver, não posso tocar, mas posso sentir!" e sinto tão forte aqui dentro que as vezes sinto que você esta aqui, sentada no meu colo como eu sempre sonhei!

Com carinho,

Roberta - Mãe da Olívia e da Manuela

E a pança resolveu crescer!

Oi pessoas!

Ontem na hora de dormir, fui passar creme na pança e percebi que ela estava bem maior do que á duas noites... Até comentei com o Xuxu e ele disse que havia reparado mesmo. A cada dia a pança vai ficando mais durinha e parecida com de grávida, tudo bem que quando eu sento, dependendo da roupa não parece muito, dá mesmo a impressão de gorda, mas em pé, já esta ficando difícil encontrar uma roupa que "disfarce", mas quero deixar claro que esta não é minha intenção, o que quero mesmo é gritar para o mundo ouvir que aqui dentro existe uma vida! =)

Comecei a ficar com os pés e pernas mais inchados. Acho que é por causa da posição que fico durante o dia (sentada na frente do computador) e isso deve ajudar para a má circulação do sangue e retenção de líquido. Estou fazendo drenagem 1 vez por semana, mas se continuar assim, acho que vou ter de aumentar para 2 vezes, o maior problema disso tudo é o "money, que é good nóis num have" kkkkkkkkk 

É isso... depois eu volto para postar a foto da roupinha que eu e o Xuxu compramos e um presentinho lindo que ela ganhou ontem!

Com carinho,

Roberta 
"nosso amor é como o vento: não posso ver, não posso tocar, mas posso sentir!"

terça-feira, 6 de dezembro de 2011

133 dias...

Isso mesmo! 133 dias ou 19 semanas!
Nossa isso é muito surreal. Não consigo acreditar que tenho uma vida aqui dentro de novo e em tão pouco tempo! A cada dia esta nova vida se faz mais presente aqui dentro, mexendo sem parar e crescendo na mesma proporção! Quero aporveitar da segundo de cada dia que ainda falta para o grande dia!

Obrigada Senhor por tudo o que tem feito em minha vida e por tudo que ainda vai fazer!

Com carinho,

Roberta
"nosso amor é como o vento: não posso ver, não posso tocar, mas posso sentir!"

segunda-feira, 5 de dezembro de 2011

E meu dia começou com...

um "Bom dia mamãe!!!" com muitos chutinhos e pontapés da Manuela!
Existe melhor maneira de começar o dia??? 
Uma boa semana pra vocês, meu e da Manuela!

Com carinho,

Roberta
"nosso amor é como o vento: não posso ver, não posso tocar, mas posso sentir!"



sexta-feira, 2 de dezembro de 2011

Comigo foi só uma crendice!!!!

Acabo de voltar de US e confirmar que a MANUELA esta vindo para alegrar ainda mais nossas vidas!

Fiquei super ansiosa... queria saber se estava tudo bem, se ela estava se desenvolvendo direitinho e sim! Esta tudo lindo! =) Ela já pesa 215gr mas quanto ao tamanho estou em dúvida. Juro que a médica disse 19cm, mas depois que a euforia passou fiquei pensando que 19cm é muita coisa pra um bebê com 18 semanas (4 meses eu acho) ou não é???? Não consegui entender o tamanho no US pq tem muita medida e não sei distinguir! hehehe Pior que a minha consulta agora é só em janeiro e antes disso tenho outra US, a morfológica do segundo trimestre, ai eu tiro essa dúvida com a Dra. Nancy.

Pra quem conhece meu marido Xuxu nem preciso dizer o quanto ele deixou a Dra. doida né? Ela mal colocou o gelzinho na minha pança e ele perguntou: É menina Dra???? Ah! e uma informação muito importante: O gel estava quente!!! Isso faz muita diferença! rsrsrs Ele filmou tudo, inclusive quando ela disse: É uma princesa! Dou 110% de certeza! Você não conseguem imaginar a alegria dele, de verdade! Eu também fiquei muito super hiper mega feliz, ainda mais por saber que ela esta crescendo linda e perfeita!

Para fechar com chave de ouro, paramos em uma loja e compramos uma roupinha linda de presente pra ela. Agora preciso esperar para comprar mais alguma coisa, já que ela já tem tudo, mas como vai nascer no frio, teremos que adquirir algumas peças mais quentes, mas nada demais pois sei que eles crescem muito rápido e perde muito rápido também! Depois venho e posto a foto da roupinha pra vocês verem... presente da mamãe e do papai!

É isso... pelo menos comigo esse negócio de barriga pontuda não funcionou!!! kkkkkkkkkkk

Com carinho,

Roberta
"nosso amor é como o vento: não posso ver, não posso tocar, mas posso sentir!" 

quinta-feira, 1 de dezembro de 2011

Barriga redonda ou pontuda???

Amanhã vou fazer o US para confirmar o sexo do baby...
No último US a médica disse que teria grandes possibilidades de ser uma MENINA e ela irá se chamar Manuela (Sim! decidimos que se for menina será com U e não com O como de início!), mas de acordo com a "teoria" de muitas pessoas minha barriga esta pontuda e isso indica que é um menino! E agora? Será que é um menino mesmo??? O que você acham? Concordam com esta teoria de:
barriga pontuda = menino 
barriga redonda = menina

????

Amanhã vamos saber!!! (assim espero!)rsrsrs

Com carinho,

Roberta 
"nosso amor é como o vento: não posso ver, não posso tocar mas posso sentir!"