Páginas

Esta foi a maneira que encontrei de dividir com vocês minhas alegrias, emoções, meus anseios, dúvidas, questionamentos,.. enfim, dividir um pouco de mim, afinal, ser mulher, mãe e esposa, não é fácil e eu não vim com manual de instruções!

domingo, 13 de setembro de 2015

Existe tempo mínimo para viver?

Você já se perguntou isso?
Existe um "tempo minimo" para viver? Pois eu já me peguei pensando muitas vezes nisso.
Se recebemos a notícia de que uma criança faleceu, a primeira frase que dizemos é: "_Nossa! Coitado, tinha a vida toda pela frente!"
Se é um jovem: "_Puxa! Logo agora que ele estava entrando na faculdade, se formando, uma vida toda pela frente! "
Se é um pai (mae) de familia: "_Morreu tão novo. Não viu nem os filhos crescerem!"
Se é uma pessoa entrando na terceira idade: "_Logo agora que se aposentou e ia descansar, curtir os netos!"

Mas e aí? Existe um tempo minimo ou suficiente para vivermos?

Vou falar a minha opinião sobre:
Não acredito que exista um tempo minimo ou suficiente para viver. Viver é bom demais, ainda mais quando sabemos aproveitar a vida que temos!
Algumas pessoas vivem décadas e décadas, mas na prática, não vivem, apenas existem.
Minha Olivia viver por 34 semanas intra uterina e 30h fora do útero, mas quer saber? Ela viveu muito mais do que a maioria das pessoas. A vida dela me ensinou tanta coisa e eu ainda aprendo com ela. A vida dela foi curta. Curtíssima eu diria, mas foi tão intensa que não precisava de mais nem um minuto. Ela aproveitou cada minuto que lhe foi dado, talvez eu é que não soube aproveitar os minutos que a tive comigo. Talvez eu pudesse ter acariciado mais minha pança, contado mais histórias pra ela, cantado mais canções,... mas não soube aproveitar minha vida naquele tempo.
Agora mesmo, estou escrevendo este post e as vezes paro para olhar a Helena mamar. Passa tão rápido! Num piscar de olhos, ela estará amamentando seus filhos e se Deus me permitir estar com ela neste dia, não quero me lamentar por não ter aproveitado esse tempo meu e dela, afinal, não existe tempo minimo para viver. A partir do momento que recebemos o dom da vida, estamos sempre vivendo por um fio e o dia de amanhã sempre existirá, só não sabemos quem fará parte dele!

E você?
O que pensa a respeito?
Tem valorizado o dom da vida?
Se você morrer hoje, o que vai deixar de herança para quem está ao seu lado?

Com carinho,

Roberta Marques
"Nosso amor é como o vento: não posso ver, não posso tocar, mas posso sentir!"

3 comentários:

  1. É verdade!!! Não existe tempo especifico de vida... Temos que aproveitar cada momento, cada detalhe!

    ResponderExcluir
  2. Não podemos perder tempo com coisas fúteis!

    ResponderExcluir
  3. Vc tem razão, temos que aproveitar e Não podemos perder tempo com coisas fúteis!

    ResponderExcluir

Bem vindo! Deixe um recadinho. Sua opinião é importante para mim e eu adoro quando você comenta! =)